Se eu fosse Primeiro-Ministro

a opinião tem uma origem

  • Entradas Recentes

  • Arquivos

  • Estatísticas do Blog

    • 32.149 Visitas
  • Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

    Junte-se a 6 outros seguidores

  • Twitter

    Erro: Twitter não está a responder. Por favor espere alguns minutos e recarregue esta página.

  • Anúncios

Posts Tagged ‘Paulo Rangel’

PSD, no seu melhor!

Posted by Vitor Oliveira em Fevereiro 11, 2010

Afinal Paulo Rangel já não apoia a candidatura de Marcelo Rebelo de Sousa. O Euro Deputado decidiu avançar com uma candidatura à presidência do PSD. Não compreendo o interior deste partido. Parece tudo infundamentado, sem qualquer organização e controlo interno. As posições são constantemente alteradas, é comum ver algum membro do partido a “lavar roupa suja” em praça pública. Apesar das divergências de opiniões serem positivas, devem ser discutidas no interior do partido e aprovada aquela que melhor satisfaz os interesses partidários para que a direcção final do discurso seja uma só.

Devia haver um porta-voz claro, uma imagem única, limpa, conhecida, popular e credível. Serão estas as condições imprescindíveis ao novo líder Social-Democrata. Ainda considero o PSD um brinquedo grande demais para o Euro Deputado. Apesar de todo o currículo e das capacidades de Rangel, ainda não é a hora.

Quanto a Pedro Passos Coelho, tem ideias, um carácter forte, bem como presença e imagem (dos mais importantes aspectos para movimentar massas). No entanto o timing que escolhe para as suas intervenções e alternância de discurso não o favorecem.

Não seria uma boa opção, apesar da clara necessidade de mudança, esperar algum tempo? Manuela Ferreira Leite, ainda pode suster o PSD um pouco mais. Quando o adversário político dos Sociais-Democratas, PS, estiver mais debilitado, a instabilidade social e politica aumentar é a melhor altura para o PSD mostrar força, redenção e carácter.

Anúncios

Posted in blog, Política, Sociedade | Com as etiquetas : , , , , | 1 Comment »

Paulo Rangel ao PE

Posted by Vitor Oliveira em Maio 19, 2009

Sei que o voto é secreto, no entanto nada me proíbe de revelar as minhas intenções de voto. No caso das eleições para o Parlamento Europeu, estão com o cabeça de lista social-democrata, Paulo Rangel.

Alguns dos factores que me influenciam na escolha são:
A franqueza com a qual o candidato repudiou a atitude de Elisa Ferreira. A candidata afirmou que apenas “emprestou” o nome à lista;
O espírito empreendedor revelado pelo candidato, nomeadamente ao sugerir uma espécie de erasmus para jovens trabalhadores. Acho esta medida bastante inovadora, proveitosa e aliciante para todos os jovens;
Outro factor igualmente importante foi a oposição por parte do candidato à ideia de um bloco central no panorama político Português.

Rangel é um candidato que actua, alvitra e intervêm. A respeito de Vital Moreira, o candidato socialista, sinto-me envergonhado. Vital Moreira vive na sombra das intervenções públicas do seu líder, e quando decide “dar um solo” aos portugueses as suas intervenções são vazias de nexo. Para não falar das declarações de Vital Moreira quando foi insultado nas comemorações do 1 de Maio.

Posted in Política internacional | Com as etiquetas : , , , , | 3 Comments »

Lei da Segurança Interna

Posted by Vitor Oliveira em Agosto 26, 2008

O líder parlamentar do PSD, Paulo Rangel, considera que a promulgação dos dossiers das Leis de Segurança Interna e de Organização da Investigação Criminal retira ao PS “qualquer desculpa para não tratar da situação de insegurança”. Concordo e acrescento, melhor, retiro: a promulgação retira ao PS qualquer desculpa. É a única vantagem, no meu entender, desta promulgação. Desta forma, não haverá motivo para uma cena eleitoralista de vítima.

Eu não concordo com a Lei de Segurança Interna. Não por ser um acérrimo social-democrata, pois decididamente não sou. Muito menos por ser anti-socialista. Unicamente não consigo perceber as alterações e as vantagens da mesma. Será normal que uma Lei que foi “chumbada” por toda a oposição, desde o CDS-PP ao Bloco de Esquerda, e também por Manuel Alegre e Teresa Portugal, não mereça maior discussão e transparência?

Foco-me sobretudo na Lei de Segurança Interna, pois Sócrates continua a insistir na Super-Polícia. Por outras palavras, o Secretário-Geral de Segurança pode interferir em áreas da competência do Ministério Público, como é o caso da investigação criminal. Plenos poderes para que haja plena confusão, perdão, coordenação. Creio que em caso de erro a culpa será “sempre do electricista”. Será que Sócrates tenta, estupidamente, criar uma espécie de Patriot Act? Fica a questão.

Vitor Oliveira

 

Posted in Leis, Política | Com as etiquetas : , , , , , , , | 1 Comment »